contato@ghtransporte.com.br | +55 47 3045-1700

Entenda como funciona o processo de armazenagem

A nova sede da GH Transporte conta com um galpão logístico de 7.000m², acompanhando a fase de crescimento e expansão da empresa. O nosso processo de armazenagem conta com alta tecnologia, oferecendo excelente organização e gerenciamento na operação logística.

Existem etapas que são imprescindíveis e que desempenham um papel estratégico, garantindo o sucesso das operações da GH. O nosso sistema de armazenagem envolve seis partes. Para saber mais, nós vamos te contar tudo sobre o processo de armazenagem, assim, você entenderá melhor como funciona cada etapa!

Parte 1 – Receber
A operação é geralmente feita nas docas do armazém, recebendo os produtos que serão descarregados e estocados. Depois passam pela conferência e são encaminhadas ao seu local de armazenagem.

Parte 2 – Conferir
Atenção redobrada nesta parte, pois é onde acontece a detecção de possíveis inconsistências como faltas, excessos etc. É necessário identificar lote, fabricação, validade e número de série, pois isso está completamente conectado com todas as próximas etapas até a fase final de expedição.
A GH Transporte e Logística utiliza de tecnologia para auxiliar a conferência, através de radiofrequência (RFID), que identifica individualmente cada produto, registrando as suas informações técnicas e permitindo o seu rastreamento.

Parte 3 – Estocar
Já passamos pelas etapas de recebimento, conferência e identificação. Agora a mercadoria precisa ser armazenada e entrar para o saldo de estoque, registrada com seu novo endereço para garantir as próximas etapas. Através da tecnologia de ponta, a GH conta com equipamentos modernos para realizar a movimentação das mercadorias e profissionais capacitados, trazendo mais praticidade e agilidade nos processos de armazenagem.

Nessa parte também acontece o controle do inventário, que é uma lista de todos os produtos armazenados e que deve estar sempre atualizada para controlar com precisão todo o estoque. Assim é possível averiguar inconsistências de cadastro, possíveis avarias e até furtos durante o período de armazenagem.

Parte 4 – Picking
Conhecida pelo termo em inglês Picking, é a etapa de separação de pedidos, desde o início da preparação dos produtos para serem enviados até o destino final. Normalmente, os itens são identificados no sistema, localizados no armazém e levados até a área de separação, que comumente se difere da área de armazenagem. Pra você entender melhor a importância do Picking, qualquer falha nesta etapa pode atrasar a entrega e até afetar a cadeia de produção de uma indústria.

Parte 5 – Packing
As mercadorias que estão com a sua própria embalagem e fracionados para consumo, vão da separação (picking) direto para a expedição. O Packing é necessário quando a mercadoria não vem devidamente embalada para a forma que será consumida. O tipo de embalagem dependerá do produto que será comercializado e da forma como será transportado, devendo sempre prezar pela integridade e segurança do material.

Parte 6 – Etapa Final
Chegou a hora da expedição. É a etapa final do processo de armazenagem, onde as mercadorias devem ser devidamente preparadas, conferidas e despachadas para o transporte. É na etapa de expedição que acontece a preparação burocrática para a saída dos produtos, tais como: documentações, notas fiscais, informações sobre o destino, entre outros. A atividade de conferência também se faz necessária no processo de expedição, pois evita problemas com o pedido e inconsistências no gerenciamento de estoque.

Já imaginou ter um espaço de 7.000m² para administrar? Essa é a GH Transporte e Logística, sempre cuidando para que todas as partes que envolvem os processos de armazenagem sejam planejadas e executadas com sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado